Por isso não temas, meu amor


Por isso não temas, meu amor,
a metamorfose é inevitável,
do ovo rejeitado da abelha.
nasce o zangão feio, mas útil.

©,2008, Nancy Lix

6 comentários:

Roger Jones disse...

eu também tenho complexo de patinho feio !

:)

Anônimo disse...

Nancy, parabéns pela publicação ! Seu site é um referencial para a boa leitura ! Não sei como consegue se diferenciar tanto da poesia geral. Acho que é porque cada poema seu é uma obra de filosofia.
E eu acho que já li a senhorita em outro lugar !

;Duda;

Nancy Lix disse...

Roger,isso é bom! Quando te sentires um pavão, todo belo, bem, aí...

Duda, tuas palavras me emocionam. Sabe, eu só consigo ser escrevendo. Fico feliz então que esteja sendo para alguém alguma coisa boa.

dudu oliva disse...

Profundo. Gostei muito.

Márcio Ibiapina disse...

Gostei demais do blog. Parabéns pelo belo trabalho.

Natalix disse...

Eu tbm sou mais Efesto.

 
© 2008 - 2009 Nancy Lix, Lua em Refração. Todos os direitos reservados. Não reproduzir sem autorização. | Technorati | BlogBlogs.Com.Br